Confira 5 atividades físicas que utilizam o tatame

O tatame, originalmente usado como item de luxo nos pisos das casas japonesas, foi desenvolvido ao longo do tempo como um elemento importante para a prática de diversos esportes, principalmente artes marciais, e em atividades como ioga e pilates.

Tradicionalmente, um Tatame preço variava de acordo com o tamanho e consistia em uma esteira de palha de arroz entrelaçada. Hoje em dia, há diversos tipos de tatame, voltados para diversas finalidades.

Confira 5 atividades físicas que fazem uso desse importante material!

O uso nas artes marciais

1. Judô

Nesse esporte, a inteligência é o princípio essencial, em vez da força física, e o objetivo é derrubar e imobilizar o oponente por, pelo menos, 30 segundos.

Os chamados judocas são classificados por faixas conforme adquirem novas habilidades.

Hoje uma modalidade das olimpíadas, o tatame deve ser de 100x100x30mm e devem ser dispostos de modo que cubram de 14 a 16 metros de extensão.

A área de segurança deve contar com 3 metros de largura, enquanto a de combate, de 8 a 10 metros.

2. Jiu-jitsu

O nome significa “arte suave”. Essa luta é considerada uma versão mais “intensa” do judô e era praticada por samurais no antigo japão.

Como é um esporte em que o objetivo é imobilizar o adversário por golpes nas articulações e utilizando-se do seu peso e força como estratégia para derrubá-lo, o tatame jiu jitsu tamanho oficial é de 30 a 40mm.

A evolução nessa arte é marcada por meio de faixas, que, a partir dos 16 anos, se dão nesta ordem crescente:

  • Branca;
  • Azul;
  • Roxa;
  • Marrom;
  • Preta;
  • Vermelha e preta;
  • Vermelha e branca;
  • Vermelha.

A faixa vermelha e preta indica o sétimo grau da faixa preta e a faixa vermelha e branca indica o oitavo.

Assim, o nono e décimo graus da faixa preta é de quem está usando uma faixa vermelha sobre o tatame jiu jitsu profissional e que pode ser considerado um verdadeiro mestre dessa luta.

Tendo dedicado muitos anos da própria vida aprimorar suas habilidades.

Embora seja uma luta asiática, o jiu-jitsu é muito popular no Brasil.

A arte marcial chegou ao Brasil em 1915, logo se formando uma missão denominada Maeda que tinha o objetivo de disseminar as artes marciais pelo país.

Um fato curioso é que alguns golpes são proibidos de acordo com a idade dos praticantes, por exemplo, até que se faça 12 anos a chave de panturrilha não é permitida.

Ao procurar por Preço de tatame de jiu jitsu deve se considerar o tamanho e o material do tatame escolhido para levar mais conforto.

3. Taekwondo

Essa luta coreana foi desenvolvida para defesa pessoal e combate sem armas. Nela, os golpes são chutes e pontapés, principalmente.

E os oponentes utilizam um uniforme chamado dobok, que protege a cabeça, o tórax, pernas, braços, mãos e a região genital.

Diferentemente do Tatame para pilates, o tatame de Taekwondo presencia muitas quedas e golpes. É uma modalidade olímpica desde 2000.

Os combates são realizados em tatames de 8x8m, e é recomendada a medida de 100x100m com 30mm de espessura.

Nesse esporte a trajetória do praticante também é marcada por faixas de cores que variam desde o branco até o preto, e que foram escolhidas baseado na tradição da dinastia coreana.

4. Karatê

O praticante de karatê busca um aprimoramento corporal, reflexos rápidos e maior equilíbrio. É uma luta de defesa pessoal, que consiste em golpes com as mãos e os pés.

Recebeu influências chinesa, japonesa e indígena de okinawa na sua formação, o que se demonstra em seus movimentos diretos e simplificados.

O repertório técnico abrange golpes como socos, joelhadas e pontapés em áreas vitais, e em menor grau, bloqueios e imobilização.

A espessura do tatame indicada é entre 20 e 30mm. A área de combate deve ter 10 metros de comprimento, 10 metros de largura e 6 metros de área interna, e a área de segurança de largura de um metro, geralmente em azul.

A chamada área de perigo, em vermelho, recebe 8 metros no total.

Um item de segurança

5. Ginástica

Por ser uma atividade que requer saltos e acrobacias, que geralmente resultam em quedas, principalmente em treinos, o tatame é indispensável para a ginástica – seja artística, rítmica ou olímpica, entre outras modalidades.

Todas elas fortalecem a coordenação motora e a resistência do corpo, e trabalham a força e a elasticidade. apesar de ser realizada também em colchonetes de E.V.A.

Para categorias de alto impacto, como a ginástica acrobática ou a aeróbica, o tatame de 20 a 30mm de espessura é o mais aconselhado.

Por fim, seja a procura por um tatame para pilates solo ou para um tatame para judô profissional, deve-se sempre pesquisar qual a medida necessária e qual a espessura recomendada para evitar acidentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *