É preciso se preparar para o parto?

O sonho de quase todas as mulheres é ter um filho. A gravidez é um dos momentos mais emocionantes e felizes da vida delas e da família, o que envolve o parto.

Muitas vezes, bate aquela ansiedade de conhecer o pequenino, então, desde a barriga de sua mãe eles já criam um vínculo grande que nem mesmo a ciência pode explicar, e só sabe a sensação quem é capaz de sentir e viver o momento.

A ansiedade por conhecer a criança é tão grande que, no começo da gestação, muitas mulheres já compram roupas e acessórios para o bebê.

Todas querem ter um período de gestação tranquilo e sem complicações, porém, algumas precauções precisam ser tomadas para que isso aconteça.

Para você que está ingressando agora nessa fase da sua vida e precisa de dicas para a preparação do parto aqui vão algumas.

Esteja atenta a qualquer movimentação que pareça anormal!

Desde o início as mulheres vão ao médico para fazer exames e ultrassons para saber se está tudo bem com ela e com o bebê.

No momento do nascimento, existem algumas preparações para o tipo de parto que será feito.
Para cada parto há um planejamento diferente. Os tipos que existem no Brasil são: cesárea, normal, humanizado, cócoras, dentro d’água, leboyer e fórceps.

Alguns merecem preparações mais específicas do que outros. Antes de decidir, converse e pesquise sobre o que mais te deixa confortável nessa situação e qual procedimento é melhor para a saúde do seu bebê.

O Parto normal humanizado é feito sem a interferência de qualquer tipo de anestesia geral ou procedimentos clínicos.

Normalmente é feito em uma banheira no domicílio da mulher, porém algumas clínicas já vêm se equipando com médicos e quartos específicos para essa modalidade de parto.

Aa vantagens para o Parto humanizado são muitas e entre elas está que a mulher tem total controle da posição que deseja ficar na hora do parto, pois não há interferências de anestesias ou outros medicamentos.

Outra vantagem é que qualquer efeito colateral que as drogas e anestesias podem causar está fora de cogitação, inclusive para o bebê.

Já o Parto normal, que é o mais recomendado por todos os médicos, possui algumas vantagens também.

Ele acontece por meio de contrações no útero que vão “expulsar” o bebê para fora do corpo da mãe, são feitos em hospitais e maternidades.

A recuperação dele é a mais rápida entre os tipos de partos, em pouco tempo a mulher já pode voltar às suas atividades.

É possível ter um parto normal sem dor? Claro, e as responsáveis por isso são as medicações. A mobilidade das pernas continua, porém, a quantidade de analgésicos diminui o desconforto causado pela dor.

Entretanto, a desvantagem desse tipo de parto com mediação é que o seu tempo de duração é mais longo e a anestesia também bloqueia a necessidade que a mulher tem de fazer força.

Como se preparar para o parto normal? Ele é um tipo de parto que leva um pouco de tempo para acabar. Existem alguns exercícios que vão relaxar o corpo para quando as contrações surgirem.

Um exemplo desse exercício é o Kegel, que serve para fortalecer a estrutura muscular do canal vaginal, ou seja, vai auxiliar e facilitar a dilatação na hora do parto.

Lembre-se de manter todas as consultas em dia

Além de exercícios, é recomendado fazer caminhada. Ela vai ajudar a circular o sangue e pode ser feita no seu próprio ritmo.

A preparação vai muito além da física. Prepare sua mente para toda a situação que será enfrentada nos momentos do parto.

Todas as gestantes devem tomar alguns cuidados, independente do tipo de parto que escolherem, como:

  • Ficar por dentro dos alimentos que podem ser ingeridos;
  • Tomar todas as vacinas indicadas pelo médico;
  • Alguns remédios são vetados para mulheres em período de gestação, sempre leia a bula e tire suas dúvidas com um especialista;
  • Comer alimentos como biscoitos de água e sal podem diminuir o enjoo;
  • Alguns exercícios físicos podem prejudicar o bebê;
  • É indicado que mulheres em período de gestação não consumam bebidas alcoólicas.

O parto pode ser doloroso, mas todo esse esforço e dor física são recompensados quando você coloca seu bebê no colo. O amor entre os pais e filhos pode acontecer à primeira vista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *