Como economizar nos gastos com limpeza no seu escritório?

No mundo dos negócios, é fundamental que uma empresa tenha o mínimo de gastos possível para potencializar seus lucros. Portanto, se você quer economizar em uma área, por exemplo, a limpeza, ela não pode interferir na qualidade dos seus produtos ou serviços.

Desse modo, a limpeza do escritório é fundamental, pois atua diretamente na prevenção de doenças e até mesmo na formação da imagem corporativa. Para alguns ramos de atividade, a higienização do ambiente é praticamente uma questão de se manter vivo no mercado.

Imagine se você fosse comprar carne para fazer um churrasco e se deparasse com um açougue sujo. Compraria mesmo assim? E se entrasse em um escritório e visse poeira em toda parte. Isso não lhe causaria uma má impressão? Certamente, os dois estabelecimentos teriam suas reputações prejudicadas.

E para manter uma limpeza de qualidade é necessário gerenciar diversos agentes que influenciam no processo de higienização. Isso significa organizar pessoas, produtos de limpeza, água e energia elétrica. 

No entanto, a boa notícia é que, com um olhar de gestão, é possível reduzir essa despesa consideravelmente de forma segura e responsável. Quer saber como? Continue lendo!

1 – Diminua o consumo de água

Reduzir o consumo de água é uma das principais medidas para diminuir os gastos com a limpeza, além de contribuir para o meio ambiente. 

Hoje em dia, o mercado oferece opções de produtos de higiene apropriados para os espaços corporativos, já que possuem uma concentração química mais elevada em comparação aos de uso doméstico.

Dessa forma, o poder de ação é mais intenso, o que dispensa a necessidade de muita água. Outra forma de diminuir os custos com a água é criar um meio de captação de água da chuva. 

Assim, a equipe de limpeza poderá usar a água captada para lavar o pátio e regar o jardim, por exemplo. Um grande ponto positivo desse tipo de sistema é que o custo não é alto e, em um pequeno espaço de tempo, você já pode obter um retorno financeiro considerável. 

2 – Invista em equipamentos tecnológicos 

Outra maneira de economizar na limpeza do escritório é investir em equipamentos especializados, pois eles diminuem o tempo gasto com a mão de obra.

Além disso, outro benefício que os aparelhos de limpeza oferecem é que eles contribuem para o consumo mais inteligente dos produtos, por exemplo:

  • Detergente;
  • Amaciante;
  • Cloro;
  • Desinfetante;
  • Entre outros.

Ademais, o uso de acessórios no banheiro, como um dispenser para papel toalha e para sabonete líquido, ajudam a evitar o desperdício desses itens, que também são custosos.

3 – Eduque os funcionários

A frequência de limpeza do escritório está diretamente ligada ao tempo que as pessoas levam para sujar os objetos e os lugares. 

Dessa maneira, ao orientar os colaboradores sobre a importância da cooperação, você pode diminuir consideravelmente a quantidade de recursos usados para remover a sujeira.

4 – Planeje as compras de produtos 

Para economizar com os produtos de limpeza, evite fazer várias pequenas compras ao longo do mês, pois, além de gastar mais, fica mais difícil fazer um controle de estoque e medir o custo de cada item.

Também é importante ressaltar que, ao fazer compras maiores, você tem uma boa margem para negociação. Logo, ao comprar todos os itens necessários com um só fornecedor, você pode obter grandes descontos.

5 – Tenha um controle de estoque

Ter um controle de estoque é fundamental para economizar, afinal, por meio dele você sabe quais produtos estão acabando e quais ainda estão cheios, evitando uma compra desnecessária.

Além disso, esse controle, a longo prazo, também permite que você identifique a média de duração de cada produto e, consequentemente, a frequência com que ele deve ser comprado, o que possibilita que seja criada uma rotina nesse sentido.

Texto: Gustavo Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *