Exercícios funcionais para gestantes que você precisa conhecer

De forma equivocada, muitas pessoas imaginam que a gravidez pode ser considerada uma razão pela qual as mulheres podem se dar o luxo de descansar por nove meses.

A verdade é que, desde o começo, a gestação é uma fase de superação contínua até o dia do parto em si. Passando por dores nas costas, mudança de apetite, humor volátil, entre vários outros efeitos colaterais que ocorrem no corpo.

Apesar de todos os fatos apresentados, ficar em repouso constante pode ser tão prejudicial à mulher e ao bebê quanto levantar objetos extremamente pesados e realizar atividades exaustivas.

Quais as vantagens de se movimentar, estando grávida?

Com tantas dores pelo corpo e enjoos constantes, é natural que se espere que uma mulher prefira o conforto de sua casa a sair por aí correndo e praticando esportes.

Contudo, a prática de exercícios durante a gestação ajuda a combater muitos vilões.

Obviamente, é de se considerar também que praticar exercícios, de forma natural, é benéfico à saúde, mas para mulheres grávidas, possuem um valor significativo.

Quando se fala a respeito de se exercitar, não estamos nos referindo a ir à academia e levantar pesos.

A fase da gestação é extremamente delicada, do começo ao fim, por isso, confirmou-se que os exercícios ideais são aqueles que combinam o trabalho da musculatura com uma frequência possível de ser sustentada.

De qualquer maneira, muitas pesquisas apresentam dados sobre os exercícios serem obrigatórios durante a época da gravidez.

Até mesmo mulheres que não possuem hábitos de se exercitar com frequência, ou simplesmente levam uma vida sedentária, também são incluídas nessa lista.

A realidade é que exercicios para gravidas devem ser feitos por todos os tipos de mulheres.

Esses exercícios tem como foco principal a manutenção da saúde da mulher, diminuindo a aparição de doenças nesse estágio, como a diabete gestacional, por exemplo, além de ajudarem no processo do parto.

Também é importante para manter a circulação sanguínea, assim como todos os líquidos do corpo, fluindo harmoniosamente.

Outros exercicios para gestantes podem ser aqueles realizados na água, como a hidroginástica, por exemplo. Esses tipos de exercícios são bem mais leves e garantem uma movimentação mais tranquila para mulheres gestantes.

Existem diversas formas de exercitar-se, mas é importante notar que exercícios extremamente pesados ou muito leves podem também ser danosos à saúde do feto. É necessário saber encontrar um equilíbrio para a realização desses exercícios.

Um treino funcional para gestantes deve sempre ser acompanhado de um profissional na área e também pode ser usado como forma de unir mais os pais, uma vez que ambos podem participar desses exercícios.

Alguns exercícios recomendados para grávidas

É comum, quando falamos desses exercícios, rapidamente ligarmos à caminhada.

De fato, além de ser um exercício ótimo, garante também vários benefícios às mulheres que o praticam, estando grávidas ou não, como uma melhora na respiração, mais disposição, desenvolvimento da musculatura das pernas, etc.

Para citar um exercício pouco conhecido podemos falar dos pilates.

Ainda há muitos mitos a respeito dos pilates como forma de exercício, mas podemos levar em consideração muitos efeitos positivos que ele traz. Gestantes que têm aula de pilates possuem maiores chances de terem partos normais.

Sim, isso é verdade! Não é garantia, todavia possuem chances bem maiores de conseguirem do que as mulheres que não praticam exercícios.

Além disso, pode-se usar também a bola de pilates para realizar exercícios específicos, de modo a trabalhar os músculos que serão utilizados na hora do parto.

A prática de pilates pode contribuir para a melhora do humor da mulher, podendo ser usado para controlar as suas variações.

É interessante ressaltar que pilates para gestantes com bola é um dos métodos mais versáteis de se praticar exercícios.

A razão para isso é o fato de poderem ser adaptadas séries que variam de acordo com o tempo de gestação da mulher, todas com grandes benefícios tanto para a mulher quanto para o bebê.

É muito importante ter algum tipo de acompanhamento médico para a realização de qualquer atividade física que a mulher gestante possa praticar.

Um profissional que a guiará em seus exercícios, alimentação e rotina diária é essencial para uma gestação segura. No fim das contas, é importante que todas as gestantes possam movimentar-se.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *