Qual é a importância da fotoproteção?

A fotoproteção é uma das maiores preocupações dos dermatologistas, uma vez que é de conhecimento que os raios solares fazem um mal muito grande à saúde da pele.

No entanto, a aplicação do protetor solar ainda não faz parte da rotina de muitas pessoas, que não entendem a importância e forma correta de fazê-lo.

Para resolver essa questão, neste conteúdo trouxemos as principais informações sobre a fotoproteção, além de algumas dicas para garantir uma aplicação correta e segura.

Se deseja evitar os efeitos nocivos do sol, não deixe de conferir esse artigo até o final, pois aqui tem tudo o que você que precisa saber!

O que é a fotoproteção?

Quando falamos em fotoproteção, acontece muito das pessoas não saberem do que se trata, já que somos acostumados com o popular filtro ou protetor solar.

Embora o fator de proteção solar seja considerado um item estético, já que auxilia na prevenção do envelhecimento e surgimento de manchas na pele, este se trata de um item indispensável para a saúde.

Como sabemos, os raios solares emitem radiações do tipo UVA (Ultravioleta) e UVB (Ultravioleta B), as quais são altamente danosas para a pele, uma vez que desidratam e queimam as células.

A fotoproteção serve exatamente para criar uma camada que impede a penetração desses raios, garantindo, assim, que não venham a gerar tantos efeitos negativos.

Existem diversos tipos de fotoproteção no mercado, cada qual com um acabamento e fator de proteção solar específico, a fim de atrair todos os bolsos e necessidades.

O que nunca podemos nos esquecer é que a fotoproteção é indispensável para manter a saúde e bem estar, portanto, deve fazer parte da rotina de todos!

Qual a importância deste recurso?

Como vimos no tópico anterior, a fotoproteção é indispensável para garantir a saúde da pele, faltando apenas explicar o motivo de tamanha importância.

Caso você ainda não saiba, a exposição inadequada ao sol é a principal causadora do câncer de pele, doença grave e de difícil tratamento.

Além disso, os raios solares também são responsáveis pelo surgimento de manchas, queimaduras e ressecamentos, que deixam a pele opaca e prejudica a estética.

A única maneira de evitar estes danos é por meio do protetor solar, uma vez que este impede que parte dos raios não atinjam a pele, diminuindo de modo significativo a exposição e os riscos descritos.

Com isso, podemos observar que o uso do protetor solar é importante tanto para a saúde quanto para a estética, por isso, deve se tornar um hábito.

Dicas para usar o protetor solar adequadamente

Ao ouvirmos falar sobre a importância do protetor solar, é natural sairmos em busca de alguma opção para começar o uso.

Essa é uma prática bastante positiva, mas não é suficiente para garantir todos os benefícios do uso do filtro solar.

Isso porque existem algumas dicas que nos ajudam a preservar o máximo do efeito e, assim, ficar distante dos riscos trazidos pelos raios solares.

Vamos conhecer agora algumas dicas fundamentais, não deixe de registrá-las para garantir um bom uso da fotoproteção!

1. Escolha um fator de proteção adequado

Caso você vá neste momento a uma farmácia procurar por um filtro solar, possivelmente encontrará diversas opções de produtos, com uma variação enorme de fatores de proteção.

Os fatores de proteção (FPS) dizem respeito à porcentagem de raios solares que o filtro impede de penetrar na pele, de forma que:

  • FPS 30: impede 30% dos raios solares de penetrarem;
  • FPS: 50: impede 50% dos raios solares de penetrarem;
  • FPS 70: impede que 70% dos raios penetrem na pele.

Esses são os tipos mais comuns, embora existam muitos outros que devem ser selecionados de acordo com o seu nível de exposição ao sol.

Por isso, tenha esse critério em mente ao escolher qual protetor solar comprar!

2. Não deixe de consultar um profissional

O protetor solar é considerado um dermocosmético, visto que age tanto para proteger quanto para manter a beleza da pele.

Desse modo, ao pretender usar o produto, é muito interessante buscar por uma indicação profissional, que poderá recomendar o melhor tipo, de acordo com suas necessidades.

Outro meio de aprender mais sobre o assunto é por meio de um curso de estética facial, onde será possível aprender tudo sobre a ação dos filtros solares.

Se deseja aproveitar o máximo possível dos benefícios, não deixe de investir em um curso de estética facial, visto que existem muitas opções no mercado!

3. Reaplique o protetor ao longo do dia

É muito comum encontrarmos pessoas que passam o protetor solar pela manhã e seguem todo o dia sem retocar a fotoproteção.

No entanto, isso é um erro, pois conforme as horas passam, a pele tende a transpirar e, dessa forma, remove o filtro, tornando sua pele novamente exposta aos raios solares.

Por isso, tenha o hábito de aplicar o protetor solar pelo menos a cada 3 horas, pois assim terá a certeza de que sua pele estará protegida.

Então, agora que foi possível aprender tudo sobre a fotoproteção, não deixe de incluir esse hábito em seu dia a dia!

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *