Importância de ter um purificador de ar em casa

Você sabia que, em média, 40% da população mundial sofre com algum tipo de alergia respiratória? Esse incômodo acontece devido a quantidade alta de micro-organismos ou partículas inaláveis no ar, que irritam a mucosa interna das vias respiratórias.

O purificador de ar trabalha diminuindo a quantidade de micro partículas nocivas nos ambientes internos. Você pode colocar o equipamento em quartos, salas, escritórios compartilhados ou até mesmo banheiros. Ficou curioso? Quer entender mais por que você deve ter um purificador de ar em casa, então é só continuar no post!

Por que ter um purificador de ar em casa?

O ambiente fechado pode ser até três vezes mais poluído que o externo. Isso porque a baixa circulação atmosférica, a umidade e a pouca luminosidade facilitam a proliferação de fungos, bactérias, partículas de poeira e principalmente de ácaros, os maiores causadores de alergia respiratória humana.  

O purificador, portanto, esteriliza o ar da sua casa, eliminando até 90% dos microrganismos. O aparelho é uma ótima opção para quem sofre de problemas respiratórios como bronquite alérgica, asma, baixa imunidade e rinite. 

Os benefícios não ficam restringindo a diminuição dos micro-organismos. O purificador também promete eliminar odores, fumaça e até pelos de animais. 

Você pode ajudar na eficiência do aparelho, mantendo o ambiente arejado, limpo e iluminado. Diminuir a quantidade de almofadas, tapetes e cortinas também são boas escolhas.

Mas afinal, o que é um purificador de ar?

O purificador de ar é um equipamento portátil formado por diversos filtros e um ventilador, responsável por sugar o ar sujo e devolvê-lo limpo. 

Existem diferentes tipos de purificadores no mercado, alguns são feitos de filtro de papel, malha ou fibra de vidro. 

A eficiência de cada aparelho muda conforme o material, mas é a necessidade do cliente que vai determinar qual é o mais indicado. No entanto, quanto mais superior o filtro for, maior a capacidade de purificação do ar. 

Para manter a funcionalidade eficiente do equipamento, o usuário deve trocar o filtro de 3 em 3 meses, manter o ambiente limpo e arejado, sem excesso de pano.   

O purificador de ar elimina gases poluentes?

A respeito de gases poluentes, emitidos pela queima de combustíveis e indústrias, a Agência de Proteção Ambiental (EPA), dos Estados Unidos, informa que os purificadores são pouco eficientes na hora de eliminar os gases poluentes dos ambientes internos.

Os dispositivos que contém carvão ativado e fotocatálise são os melhores para neutralizar as substâncias nocivas. O purificador com esses materiais consegue eliminar uma quantidade mínima de poluentes químicos.

Já sobre os fungos, junto com os purificadores de ar, é indicado auxiliar o tratamento do cômodo com o uso de um desumidificador de ambiente. Já que o purificador vai limpar o ar, mas não impede a proliferação dos microorganismos.

Como escolher o melhor purificador de ar para a sua casa?

É a necessidade do cliente que determina qual modelo de purificador é o mais indicado. Se o aparelho for atender alguém que sofre intensamente com alergia respiratória, os modelos que contém o filtro no estilo HEPA da classe H13, são o ideal.  

O purificador no modelo HEPA H13, consegue filtrar as partículas mais finas no ar, com até 0,3 micrômetros de diâmetro, menor que um fio de cabelo .

A sujeira microscópica eliminada pelo cigarro, pólen ou até a poeira de um travesseiro são captadas com facilidade por esse filtro. 

Se você não tem uma prescrição médica de urgência, e busca um purificador que te entregue qualidade no ar, procure com atenção as seguintes características no aparelho:  

1- Filtrar até 2,0 m micrômetros de partícula, 

2- Ter uma multicamada com carvão ativo 

3- Ter uma camada bactericida.

A opção “automático” no purificador de ar também é uma boa escolha. Esse modo permite que o aparelho detecte a qualidade da atmosfera do cômodo. Se o nível de partículas estiver alto, o purificador liga sozinho.

Gostou das dicas? Compartilhe esse texto com familiares e amigos. Para saber mais conteúdo como esse continue acompanhando o blog.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *