Itens importantes presentes em uma clínica segura

As clínicas e hospitais são locais onde diversos tipos de procedimento são realizados.

Esses procedimentos cirúrgicos visam ao tratamento de saúde e estética para as mais variadas finalidades. Isso também inclui os procedimentos odontológicos, que necessitam dos materiais adequados para realizar as intervenções necessárias.

Pelo fato de a maioria dos pacientes serem leigos no assunto, é comum que não avaliem esses recursos ao escolher o hospital ou clínica onde passarão por algum tipo de procedimento.

Neste artigo, vamos falar sobre alguns dos itens mais importantes e também abordar sobre os kits para estudantes de odontologia. Confira.

Itens indispensáveis em clínicas e hospitais

Quando falamos sobre os materiais utilizados em clínicas e hospitais, logo nos vem à mente uma série de itens que são indispensáveis. Mas será que você conhece todos eles? Um dos mais importantes é a sonda para alimentação.

Trata-se de um tubo fino, feito de borracha macia e flexível, utilizado para fornecer alimentação adequada para pacientes que, por alguma razão, não podem se alimentar pela boca.

Essa sonda pode ser introduzida pelo nariz e ser alojada no estômago ou intestino, ou ser inserida diretamente pela barriga por meio de uma pequena incisão.

Diversas razões podem levar à necessidade de alimentação via sonda, desde limitações do próprio paciente até procedimentos cirúrgicos que o impossibilitam por determinado período de tempo.

A alimentação por sonda nasogastrica também é chamada de dieta enteral e é feita com alimentos que possuem todos os nutrientes necessários, bem triturada ou por meio de dietas prontas.

É comum que os pacientes utilizem esse procedimento em hospitais, no entanto, também pode ser realizado em casa, conforme a necessidade de cada um.

Mas, além da sonda, outro material muito importante para clínicas e hospital é o coletor perfuro cortante plastico. Trata-se de um material utilizado para o descarte de materiais hospitalares como seringas. As principais características desse material são:

  • Feito em plástico rígido;
  • Resistente à perfuração, vazamento e ruptura;
  • Atende NR32 e RDC 302;
  • Descarte de agulhas em todos os sistemas de seringas;
  • Aprovado pela ANVISA.

É possível encontrar o coletor com capacidade de 1 a 13 litros e seu principal objetivo é evitar a contaminação acidental provocada por doenças contagiosas que possam estar presentes nos materiais descartados.

E, por falar em agulhas, outro material muito importante é a seringa de vidro. Essa seringa tem como objetivo garantir que os procedimentos clínicos sejam feitos com segurança, não provocando reações alérgicas e interações químicas.

Outra característica é que é uma seringa reutilizável, ou seja, após seu uso pode ser lavada, esterilizada e usada novamente, no entanto, para estar apta ao reuso, os procedimentos de esterilização devem ser feito por um profissional apto, isso, para evitar danos ou quebras, pois nesses casos a seringa deve ser inutilizada.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre alguns dos principais materiais indispensáveis em clínicas e hospitais, no próximo tópico, vamos abordar sobre um kit importante para os estudantes de odontologia. Acompanhe.

A importância do kit de odontologia

Para os alunos de odontologia, é importante a presença do kit acadêmico odontológico. Este kit é ideal para quem está começando a carreira de odontologia, alunos e profissionais já formados. São peças de mão de qualidade e duráveis. Nesse kit é importante incluir:

  • Lubrificante;
  • Mochila;
  • Acessório mandril;
  • Saca brocas para contra-ângulo.

Os procedimentos odontológicos básicos não podem ser realizados sem o uso dos itens presentes nesse kit, portanto, é importante escolher o melhor kit academico odontológico.

Ele auxilia não apenas os alunos em seus estudos práticos dentro das universidades, mas também os profissionais nas mais variadas necessidades de intervenções odontológicas dos pacientes nos consultórios.

Os itens e materiais usados em hospitais e clínicas são todos fabricados em materiais adequados a cada tipo de uso.

Esses materiais são de qualidade e devidamente esterilizados para o uso, afinal, todo e qualquer procedimento realizado em clínicas e hospitais, do mais simples ao mais complexo, apresenta algum risco de contaminação tanto para o paciente quanto para as pessoas em volta.

Isso pode comprometer a saúde e, algumas vezes, a vida das pessoas envolvidas no procedimento.

Além das especificações técnicas para a fabricação de cada material, sua utilização também deve ser feita de maneira profissional, pois são destinados a cuidar da saúde e garantir o bem-estar das pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *